Di Grassi: vou trabalhar duro para levar a FE ao Brasil

Com a entrada de Felipe Massa, país contará com três representantes na categoria a partir da temporada 2018/19

A Fórmula E deveria visitar São Paulo para a corrida de abertura da quarta temporada, mas o evento foi adiado a pedido das autoridades da capital paulista e foi substituído por Punta del Este, no Uruguai.

Embora Felipe Massa tenha ingressado na FE para a quinta temporada (haverá três pilotos brasileiros no grid no campeonato de 2018/19), nenhuma cidade brasileira foi destaque no calendário recém-lançado.

"É claro que estou frustrado, mas estou tentando fazer uma corrida o mais rápido possível no Brasil, especialmente agora com três pilotos brasileiros com Felipe", disse Di Grassi ao Motorsport.com.

“Acho que devemos ter uma corrida de Fórmula E no Brasil, acho que é lógico o mercado está lá, todo mundo gosta, nós temos o potencial. Agora vou tentar ajudar, tentar fazer o que puder para ajudar a corrida a acontecer lá.”

"Talvez na quinta temporada, talvez na sexta, sétima, talvez nunca mas vou trabalhar muito duro."

Massa, que competirá pela equipe Venturi na quinta temporada, disse que também gostaria de ver uma corrida brasileira no futuro.

"Nós devemos ter uma corrida no Brasil infelizmente estamos em momentos muito difíceis no Brasil. Para os brasileiros que estão correndo, mas [também] para o que o evento está se tornando, a importância do evento em tantas áreas diferentes, eu realmente espero que possamos correr muito em breve no Brasil na frente de nosso povo”, disse Massa.

"Eu realmente espero que possa ser um grande sucesso se tivermos essa corrida no Brasil."

Embora o calendário da quinta temporada da FE tenha atualmente duas corridas listadas como TBA, é improvável que uma delas seja disputada em alguma cidade brasileira.

Entende-se que Santiago continua a ser favorito para garantir a terceira etapa da quinta temporada em 26 de janeiro de 2019, enquanto o evento de 23 de março foi reservado para uma segunda corrida baseada na China.

Adelaide e São Petersburgo foram listadas a possíveis futuras corridas da FE nos últimos dias, mas entende-se que as negociações para qualquer novo local seriam para os eventos da sexta temporada, no mínimo.

Fonte original do texto: https://br.motorsport.com/formula-e/news/di-grassi-vou-trabalhar-duro-para-levar-a-f-e-ao-brasil/3130837/

Confira também: Momentos em que o mundo das corridas entrou em clima de Copa do Mundo de Futebol